Telefones Contato
Clínica de Recuperação de Álcool e Drogas - Tratamento para Dependentes Químicos Internação Voluntária e Involuntária
Videos
Home
Atendimento
 
   
  Saiba Mais
   
  Dependências
Cocaina e Crack
Alcool
Maconha
Ecstasy
Inalantes
LSD
Opiáceos
 
MIDIA
Reportagens Videos

 

 
OPIÁCEOS

Essas são drogas derivadas do ópio, podendo ser opiáceos naturais (como a morfina e a codeína) ou semi-sintéticos (como a heroína, que é uma substância alterada da morfina). Os opiáceos são drogas sedativas, que induzem o sono, e analgésicas, sendo assim, muito utilizadas para tratamento médico. Porém os opiáceos têm um alto poder de causar dependência, e seu uso indevido leva a efeitos agudos como euforia, intensa sensação de prazer, distanciamento da realidade, chegando a sentimentos de mal-estar, irritabilidade, depressão, miose (contração da pupila), sonolência excessiva, inconsciência, bradicardia, depressão respiratória, convulsões, coma e morte. Os sintomas de abstinência se apresentam muito intensos, sendo necessária a internação do indivíduo. O uso prolongado dos opiáceos levam a um aumento da tolerância e conseqüente dependência, prisão de ventre crônica, problemas digestivos, dificuldades visuais devido a miose, e total distanciamento da realidade. 

Instalada a dependência, o organismo apresenta forte tolerância, obrigando o usuário a aumentar as doses. A superdosagem pode resultar em coma e morte por insuficiência respiratória. Produzem euforia e bem estar, mas a suas ações necessitam de doses cada vez maiores para manter o mesmo nível - fenômeno de tolerância.

A heroína é consumida pela injeção intravenosa com agulha. Esta forma de consumo leva a uma rápida subida das concentrações sanguínea, e resulta numa ação inicial muito mais forte de satisfação intensa, seguida de um platô de ação mais moderada e cada vez mais fraca.

O consumo de heroína leva à dependência física e psicológica. 

A dependência física caracteriza-se por tremores, ereção dos pêlos, suores abundantes, lacrimejamento, rinorreia (nariz escorrendo), respiração rápida, temperatura elevada, ansiedade, falta de apetite, dores musculares, hostilidade, vômitos e diarréia. Um sinal importante é a miose, já que não ocorre com outras drogas (é muito mais freqüente é a dilatação -midríase).

A dependência psicológica é subjetiva e é devido à memória do prazer sentido em administrações passadas, e caracteriza-se por um desejo forte, por vezes violento, de consumir a droga. 


 

A CRAD oferece serviço de remoção em todo o território nacional, indo até o dependente onde ele estiver 24 horas por dia 365 dias por ano.

 

 
 
 
clínica de recuperação, dependentes químicos, clinica de recuperacao, dependente quimico, alcoolismo, clinica de reabilitação de drogados, clinica de reabilitaçãoclinica de recuperação de drogados , clinica de recuperação para dependentes químicos, clinica para viciados em crack, tratamento dependencia quimica